Goodbye, England’s Rose

“Goodbye England’s rose, from a country lost without your soul, who’ll miss the wings of your compassion more than you’ll ever know.”Sei que venho com um dia de atraso, mas não podia deixar de assinalar os 20 anos passados da morte da Princesa mais bonita de todas. E nem sequer era da Disney… Pessoalmente, tenho um grande respeito por esta mulher. Imenso mesmo. Teve uma vida grandiosa tanto para o bem como para o mal. Foi a Princesa mais notória de sempre e provavelmente a mais amada. Duvido mesmo que venha, algum dia, a existir uma mulher ao seu nível, na sua categoria, dentro do mesmo tipo de vida.Dona de uma beleza indescritível, era uma mulher de causas. Fazia o bem, e fazia-o com amor. Era uma mãe fantástica, e hoje, ao olhar os seus filhos, vemos neles o espelho dela mesmo com todo o peso da monarquia em cima deles. Era uma mulher que amou sem ser amada, e que quando finalmente conseguiu amar e ser amada, foi atormentada por uma opinião pública vampiresca e desrespeitadora. Diana merecia tudo menos Carlos. Jamais. Devia ter sido uma mulher feliz. Foi para isso que nasceu. Hoje é uma vela ao vento, como cantou Elton John. Eu tinha 12 anos quando ela partiu. E ainda assim… marcou-me. ***

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s